Primeira Ordem da Ajuda




Além das Ordens ou Leis do Amor, que são as bases filosóficas da Constelação, Bert Hellinger nos trouxe um outro conjunto de Princípios que dizem respeito à postura e forma de atuar do Ajudante!

As chamadas Ordens da Ajuda são essenciais para quem se dispõe a mostrar um novo modo de viver e de se relacionar em qualquer profissão, terapêutica ou não, assim como um todo.

A primeira delas diz que o ajudante deve dar o que tem e tomar (no sentido de receber ativamente) apenas o que precisa!

Significa que nós, enquanto profissionais da ajuda devemos ofertar apenas o que possuímos para receber em equivalência ao que foi entregue.

Ou seja, aqui trata-se de manter o equilíbrio nas trocas, sob pena desta relação, que é sempre de IGUAIS, ruir ou se desfazer.

Particularmente aprendi isso às duras penas lá atrás, quando dava aos meus clientes muito mais do que eles me pediam!

Hoje brinco dizendo que prefiro dar de menos do que dar demais, pois assim não corro o risco de afastar aquela pessoa de mim e do meu trabalho.

Isso é algo sério e muito factual, quem já passou por essa situação e depois percebeu o seu erro sabe do que estou falando...

O cliente ou paciente precisa receber apenas aquilo que é suficiente para que ele cresça, amadureça, mude, transforme ou restabeleça, assim como ele precisa retribuir de forma justa, dando sua contrapartida!

Dessa maneira ambos, ajudante e ajudado, permanecem numa relação coesa, equilibrada, benéfica e a ajuda pode verdadeiramente alcançar o seu objetivo final.

Nos próximos artigos trarei as demais Ordens, sempre falando um pouco delas. Fiquem de olho! Eurico Aparecido Rodrigues

Constelador

0 visualização
integra_logo_transp.png
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle

Rua Francisca Robles Madeira, 429 - Jardim São Silvestre, Ourinhos - SP, 19902-080, Brasil

(14) 3326-9382 ou Whatsapp (14) 99744-7492

©2018-2019 por Robert Casemiro